Login  Recuperar
Password
  14 de Outubro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Facebook Siga a nossa página Google Plus Siga-nos no YouTube Siga-nos no Twitter Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Economia
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Empresa Pelletsfirst investe 15 milhões em Alcobaça

A Pelletsfirst, empresa de comercialização de pellets de madeira (combustível à base de madeira) inaugurou a 31 de outubro, a unidade de produção na zona industrial do Casal da Areia, em Alcobaça, que está vocacionada para a exportação. A nova unidade irá dar emprego a 40 pessoas.

08-11-2012 | Paulo Alexandre

O secretário de Estado Adjunto da Economia e Desenvolvimento Regional, António Almeida Henriques, acompanhou a cerimónia, tendo destacado o facto de “estes produtos terem 100% de valor acrescentado nacional, já que toda a matéria-prima é nacional”.
A empresa investiu 14 milhões de euros na nova unidade, dos quais 6 milhões vieram dos fundos comunitários (QREN).
Adiantando que "o desígnio da reindustrialização é relevante e urgente e mais do que nunca o QREN (Quadro de Referência Estratégica Nacional) terá de estar ao serviço da reindustrialização das regiões”, o governante anunciou que “o Governo está a preparar Programa “Valorizar” e uma nova política, cujo foco é criar valor com o território”.
Paulo Inácio, presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, reconheceu “a importância do investimento” feito, que vai criar novos postos de trabalho, “muito importantes para o concelho”.
Por sua vez, João Magalhães, administrador da Pelletsfirst, referiu que “este investimento, próximo dos 15 milhões de euros, vai permitir uma produção mensal de 120 toneladas de pellets, destinadas exclusivamente à exportação”.
Os pellets (um tipo de combustível produzido a partir de serragem ou serradura de madeira refinada e seca, comprimida em pequenos rolos), serão produzidos a partir de resíduos de madeira adquiridos a pequenas empresas da região e exportados, sobretudo, para os países nórdicos, onde este tipo de combustível é mais utilizado.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar

      Foz do Arelho - Aluger Apartamento T1, completamente equipado, perto da paia.
      Casa de Férias - Nazaré Casa T2, a 50m da praia, para férias no mês de Agosto.
      Albifeira - TimeShare Apartamento com vista para o mar em regime de timeshare.
      CLASSIFICADOS XTUDO.PT
      Turismo de Coruche

      [Titulo] [Titulo]

      [Inserir descrição]

      [Titulo] [Titulo]

      [Inserir descrição]

      [Titulo] [Titulo]

      [Inserir descrição]

      [Titulo] [Titulo]

      [Inserir descrição]